Category Archives: Notícias póscrítica

Prorrogação de inscrições para ouvinte do II Congresso Brasil in Teias Culturais: Epistemologias Subalternizadas

ÚLTIMA CHAMADA PARA INSCRIÇÕES DE OUVINTES

Em função da alta demanda internacional e da não necessidade de CPF para estudantes e pesquisadorxs estrangeiros (as), só recentemente resolvido no sistema, prorrogamos até o dia 26/11/2021 as inscrições para o II Congresso Internacional Brasil in Teias Culturais: Epistemologias Subalternizadas.

Serão até agora 35 mesas, duas rodas de conversa, duas conferências plenárias, muito lançamento de livros, entre o dia 22/11 a 22/12/2021, envolvendo pesquisadorxs de todos os continentes, então, não percam essa oportunidade de se juntarem a nós por uma outra ciência alternativa possível, fundada na sabedoria popular e sua arte de contestar, criar e inserir, milenarmente, a humanidade na história!

Esse é o link do site para se inscrever:

https://doity.com.br/ii-congresso-brasil-in-teias-culturais

Estamos fechando 3.000 vagas para ouvintes de todo o mundo, e por se tratar de um evento totalmente gratuito, com altíssimo nível intelectual e político-científico de debate público, e, ainda, com certificação de 80 horas, sua hora de se inscrever já chegou!

Juntem-se a nós. A melhor arma contra a barbárie cultural é o pensamento libertário colaborativo, passando de mão-em-mão, de rua em rua, de bairro-em-bairro, de toca em toca, até virar música de afirmação da vida como obra de arte!

Saudações Pós-Críticas.

Alagoinhas, 22/11/2021.

Osmar Moreira dos Santos
Coordenador geral do evento
CV: http://lattes.cnpq.br/5981899045893057

Seleção para Doutorado em Crítica Cultural, em Canudos: Turma Multicampi

AVISO nº 051/2021 – O Reitor da UNEB no uso de suas atribuições legais e regimentais torna público a abertura das inscrições para o Processo Seletivo 2021, para Turma Única, do Curso de Doutorado em Crítica Cultural/Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Crítica Cultural (PÓS-CRÍTICA), ofertado pelo Departamento de Linguística, Literatura e Artes (DLLARTES), Campus II em Alagoinhas, em parceria com o Campus Avançado de Canudos, desta Universidade, no período de 07 a 30 de abril de 2021, conforme especificado no Edital. O EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 024/2021 está disponível em http://www.poscritica.uneb.br/index.php/doutorado-canudos/.

GABINETE DA REITORIA DA UNEB, 30 de março de 2021.

José Bites de Carvalho
Reitor

Seminário sobre relações internacionais e crítica cultural inscreve até 30/09

O Programa de Pós-graduação em Crítica Cultural do Departamento de Educação (DEDC) do Campus II da UNEB, em Alagoinhas, e o Programa de Literatura e Cultura, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), realizam o Seminário Internacional “Brasil In Teias Culturais: Relações Internacionais sob o crivo da crítica cultural entre os dias 1º de outubro e 6 de novembro.

Serão duas conferências plenárias e 26 mesas-redondas por transmissão virtual, reunindo pesquisadores de crítica cultural de cinco continentes com o objetivo de construir redes de cooperação científicas online. A UNEB estará representada na programação por seis pesquisadores da área.

O evento é gratuito e os interessados em participar como ouvintes devem realizar inscrição online até o dia 30 de setembro. O número de vagas é limitado a 3 mil participantes.

“A proposta é mostrar que, pela via da ciência e da cultura, o Brasil e suas instituições científicas/culturais têm muito a contribuir com o desenvolvimento do país e com o desenvolvimento dos países constitutivos dos BRICS e também de outros blocos de nações”, explica o professor Osmar Moreira, coordenador geral do evento.

O Brasil In Teias integra o projeto “Potências Transnacionais e Emergentes e seus Crivos Culturais”, apoiado pela Fundação de Amparo às Pesquisa da Bahia (Fapesb).

Informações: www.portal.uneb.br/poscritica.

Capes/MEC aprova mais um doutorado da UNEB no interior do estado

A UNEB obteve mais um significativo avanço em sua política de interiorização da pós-graduação stricto sensu.

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) aprovou o curso de Doutorado em Crítica Cultural, sediado no Campus II, em Alagoinhas.

O novo curso integra o Programa de Pós-Graduação em Crítica Cultural (Pós-Crítica). Vinculado ao Departamento de Educação (DEDC) do campus e pertencente à grande área de Linguística, Letras e Artes, o programa conquistou sua primeira aprovação pela Capes, para o curso de mestrado, em 2008.

Inédito no país à época, o programa foi idealizado e coordenado inicialmente pelo professor Osmar Moreira.

“O novo doutorado da UNEB é boa notícia para quem gosta de estudar, pesquisar, pensar e lutar, por meio da ciência, da cultura e do pensamento, por um Brasil mais justo, socialista e democrático. Essa é mais uma vitória da nossa comunidade acadêmica”, avalia o docente.

Nos últimos anos, a UNEB teve aprovados pela Capes nove novos cursos de pós-graduação stricto sensu (doutorados e mestrados) em campi na capital e no interior do estado.

Imagem: Divulgação.

Nota de repúdio a preconceito racial praticado contra a Professora Doutora Isabel Reis

O Programa de Pós-Graduação em História Regional e Local – Uneb/Campus V repudia, publicamente, os atos de preconceito racial cometidos por um aluno da Universidade Federal do Recôncavo Baiano/Cachoeira-Bahia contra a Professora Doutora Isabel Cristina Ferreira dos Reis e divulgados pelas redes sociais/digitais nesta data.

Ofensas raciais se constituem crime e são evidências de violência contra a pessoa, a cidadã e a profissional em seu exercício docente. Devemos combater, com veemência, qualquer tipo de ofensa, agressão e ato de discriminação racial cometido à pessoa individualmente e que, na sequência, impacta em todos/as os cidadãos e cidadãs brasileiros/as, levando em consideração que as lutas políticas e sociais, historicamente enfrentadas pelas populações negras e engrossadas por todos e todas que defendem a igualdade entre os povos, nas suas diferenças étnico-raciais, de classe, de gênero, religião, nacionalidade, são contínuas e permanentes.

Sempre em alerta, devemos, em nome da democracia, dos direitos assegurados pela maioria da população brasileira, composta por pessoas negras e pardas, e da ética que fundamenta o nosso ofício de historiadores/as rechaçar, denunciar e combater atos dessa natureza.

Racismo é crime inafiançável! Disque 100 e denuncie! A Carta Constitucional que rege as leis maiores do Brasil elegeu a igualdade como direito fundamental dos/das brasileiros/as e considera o racismo crime inafiançável.

O Programa de Pós-Graduação em História Regional e Local repudia qualquer ato racista e reforça seu ativismo na luta por uma sociedade justa, igualitária e sem qualquer tipo de preconceito e discriminação.

10 de dezembro de 2019